DESTAQUE NA SEMANA

            Aqui alguns fatos e informações da semana que tem haver com a CULTURA RACIONAL.

 

 

1)  SE FOR ESCOLHER UM "DISCO VOADOR"

ESCOLHA O DE UM EXTRATERRESTRE

 POIS

 O da NASA NÃO FUNCIONA.....

 

            Quando alguém via um "disco voador" (escrutinado por sensata e ponderada apreciação) a pronta desculpa, que mais saia da manga, era que não passava de um mero balão metereológico.

 

            Era balão  pra todo  lado, desafiando a capacidade de observação de pilotos experientes, da aviação comercial e das forças aéreas, que afirmavam, em seus relatos, para objetos voadores que suplantavam todo padrão usual dos objetos tecnológicos construídos pela inteligência humana.

 

        Um real desafio à segurança religiosa/militar e midiática mundial: pior do que cenário de guerra nova!

 

 

O bom e velho balão metereológico era a "melhor" desculpa quando ALGO desafiava os padrão de conhecimento e conformismo humanos na seara do tempo/espaço.

 

            Desde Roswell até  objetos que impressionavam pela velocidade, luminosidades e quebra de padrão de deslocamento colocando em xeque o quanto se sabia sobre o território comum do tempo/espaço, nosso 'ninho' seguro.

            Na 2ª feira (08.06) a NASA, que acumula prêmios de avanço tecnológico com gafes onde muitos perderam suas vidas, colocou um BALÃO de PONTA no ar.

            Era para ser um sucesso, pelos menos para impressionar extraterrestre, mas não deu pé, decepcionando a platéia humana.

            Para começar o fiasco não foi contabilizado como perda total, o que já faz parte da ciência.

            Era um teste de vôo do flying saucer da NASA que ela pretende usar  futuramente em missões espaciais à Marte.

           

           

Marte, que é a 'bola da vez' dos projetos da NASA.

 

                 As esperanças eram grandes, e o recém projetado balão supersônico de aterrissagem, não correspondeu as expectativas deixando os engenheiros da NASA com os dados da falha a serem resolvidos.

            " Com esse projeto nós estamos empurrando os limites de nossa tecnologia"  disse Ian Clark, que vai conduzir as investigação sobre a falha ocorrida.

            " Este ano a física dos supersônicos balões de aterrissagem nos reposicionou atrás das expectativas."

 

 

 

PHOTO: NASAs Jet Propulsion Laboratory Low-Density Supersonic Decelerator Project Manager Mark Adler, left, and JPL LDSD Project Principal investigator Ian Clark, right, inspect the LDSD test vehicle.

Um 'balãozinho' de respeito da NASA, só que também não serve de desculpa para autênticos fenômenos de UFOs.

            O flying saurce  na NASA foi criado com nylon e outra fibra sintética de ponta para suportar à várias vezes a velocidade do som, um desafio  para os engenheiros da NASA descobrirem, nos dados novos, o que deu errado.

            " Ainda bem que essa falha ocorreu aqui na Terra e não numa missão de fato à Marte" ,              arrematou.

            Os testes preliminares deram todos bem, porém quando posto a prova na atmosfera um fiasco, o que já tinha ocorrido no ano passado. O próximo teste do balão da NASA é planejado para 2016.

            O balão da NASA pesava mais de 3 toneladas  e media  quase 5 metros de altura.

 

 

 

O desastre no avião espacial Challenger abalou a confiança e orgulho yanke.

 

            Veja o vídeo do teste do balão da NASA na ABCnews:

http://abcnews.go.com/US/nasas-flying-saucer-wrong/story?id=31640562

 

            Esse é um exemplo atual de como a tecnologia humana não explicavou e NÃO EXPLICA os UFOs observados, que fogem aos padrões habituais, presentes nesse nosso mundo deformado onde tempo/espaço dão as cartas.

            Tirando satélites, aviões e outros ordinários objetos, há muita experiência de avistamento de UFOs que desafia a ciência por uma definição maior do que pousar um balão no solo.

            Talvez o grande desafio humano atual seja um exercício de humildade a lá Sócrates : "Só sei que nada sei!"

            Na CULTURA RACIONAL os avistamentos  dos fenômenos sem explicação de UFOs não tem explicação nessa dimensão ordinária humana de tempo/espaço.

            Tempo/espaço são realidades desse universo porém não determinam a realidade em outros campos de energia.

            O homem é confrontado nessa condição aparente e provisória de animal Racional e convidado a expandir seu entendimento além do horizonte desse universo deformado.

            Tempo/espaço já não são os paradigmas da situação e sim os outros Estados que são determinados por outros campos de energia.

            No LIVRO UNIVERSO EM DESENCANTO tem a pessoa sua condição provisória e aparente solucionada já que sua Origem RACIONAL passa a ser o Referencial primordial, para entendermos de ONDE VIEMOS, PORQUE VIEMOS E PARA ONDE VAMOS.

            E os "discos voadores" são manifestação dessa outra dimensão RACIONAL alertando o homem para a mudança de fase, a libertação da condição de ser deste mundo material subjugado pela ignorância e sofrimento.

            Cabe a NASA, além de tentar pousar o balão, ousar ser sincera com a população mundial sobre o que viu e sabe sobre aquilo que não  definiu.

           

           

         MAIS ARQUIVOS:

            semana:  01 - 07 junho de 2015:

            semana: 25 - 31 maio 2015:

            semana: 18 - 24 maio 2015:

            semana: 11 - 17 maio 2015:

            semana:  06 - 12 abril 2015:

            semana: 30 março - 05 abril 2015:           

            semana: 16 - 22 março 2015:

            semana: 09 - 15 março 2015:

            semana: 26 janeiro - 01 fevereiro 2015:           

            semana: 19-25.. janeiro 2015:

            semana: 19-25. janeiro 2015:

            semana: 19-25 janeiro 2015:

            semana: 12 - 18 janeiro 2015:

            semana: 05 - 11 janeiro 2015:

            semana: 10 - 16 novembro 2014:

            semana:  03 - 09 novembro 2014:

            semana: 27 outubro - 02 novembro 2014:

            semana: 20 - 26 outubro 2014:

            semana: 13 - 19 . outubro 2014:

            semana: 13 - 19 outubro 2014:

            semana: 06 - 12 outubro 2014:

            semana: 29 setembro - 05 outubro 2014:

            semana: 09 - 15 junho 2014:

            semana: 26 maio - 01 junho 2014:

            semana: 19 - 25 maio 2014:

            semana: 12 - 18 maio 2014:

            semana:   05 - 11 maio 2014:

            semana: 21 - 27 abril 2014:

            semana: 14 - 20 abril 2014:

            semana: 07 - 13 abril 2014:

            semana: 24 - 30 março 2014:

            semana: 03 - 09 fevereiro 2014:

            semana: 27 janeiro - 02 fevereiro 2014:

            semana: 20 - 26 janeiro 2014:

            semana: 13 - 19 janeiro 2014:

            semana: 06 - 12 janeiro 2014:

            semana:  02 - 08 dezembro 2013:

            semana : 04 - 10 novembro 2013:

            semana:  21 - 27 outubro 2013:

            semana: 14 - 20 outubro 2013:

            semana:  30 setembro - 06 outubro 2013:

            semana: 23 - 29 setembro 2013:

            semana:  02 - 08 setembro 2013:

            semana: 26  agosto - 01 setembro:

            semana: 19 - 25 agosto 2013:

            semana:  29 julho - 04 agosto 2013:

            semana:  08 - 14 julho 2013:

            semana: 17 - 23 junho 2013:

            semana: 20 - 26 maio 2013:

            semana: 04 - 14 abril 2013:

            semana: 25 - 31 março 2013:

            semana: 04 - 10 março 2013:

            semana: 21 - 27 janeiro 2013:

            semana:  06-12 dezembro 2012:

            semana :  05 - 11 novembro 2012:

            semana:  22 - 28 outubro 2012:

            semana: 08 - 14 outubro 2012:

            semana: 10 - 16 setembro 2012:

            semana:  03 - 09 setembro 2012:

            semana: 27 agosto - 02 setembro 2012:

            semana: 01-05 agosto 2012: