DESTAQUE NA SEMANA

            Aqui alguns fatos e informações da semana que tem haver com a CULTURA RACIONAL.

 

1)  QUANDO A VIDA VIRA O JOGO.

 

 

            Um neurocirurgião, da respeitada Universidade norte-americana de Stanford, que veio a público comentar sua condição, após ter sido diagnosticado com câncer terminal, faleceu no dia 9 deste mês, de acordo com o Hospital de Stanford. Ele tinha apenas 37 anos.

 

            "Nós estamos totalmente desolados pela tragédia da sua repentina doença e por sua intempestiva morte." declarou o dr Gary Steinberg, Phd, professor e catedrático do Departamento de Neurocirurgia da Universidade de Stanford.

 

        "Meu irmão realizou mais, na sua curta existência, do que a maioria das pessoas no dobro do tempo" escreveu seu irmão Suman Kalanithi por e-mail: " Ele foi um bom médico, um bom marido , um bom pai e um bom homem. Eu estou muito orgulhoso dele, tanto na vida como após ela".

 

            O dr Kalanithi foi diagnosticado com estágio avançado de câncer pulmonar em maio de 2013, e seu caso tornou-se público quando uma coluna sua foi publicada no jornal New York Times, em janeiro de 2014.

 

            " O fato da morte é  perturbador. Porém não existe outra via para se viver." declarou o neurocirurgião na coluna publicada no jornal.

 

            Da sua perspectiva inicial de se ter tornado um paciente, ele confrontou a dura questão com rara franqueza. Ele recordou as diretrizes da sua profissão de neurocirurgião como "sendo vagas, porém cuidadosas" e alertou "contra o número de sobreviventes do Google"

 

            "Eu comecei a perceber que eu estava indo confrontar face à face minha própria morte, num sentido, isto tinha mudado tanto para nada como para tudo." ele escreveu. " Antes de eu ser diagnosticado  com câncer , eu sabia que em algum dia  iria morrer,  porém não sabia quando. Após o diagnóstico eu sei que um dia eu vou morrer, porém eu não conhecia quando. Mas agora eu conheci ele intensamente. O problema não é científico. O fato da morte te desloca. Embora não haja outra via para a vida."

 

            Seus comentários correram pelo mundo afora  ecoando nas pessoas que vem lutando com doenças terminais.

 

 

 

Paul Kalanithi undergoes monitoring and treatment for his lung cancer.

Dr Paul Kalanithi se submetendo ao monitoramento e tratamento do seu câncer de pulmão

 

            Em um novo ensaio publicado na revista Médica da Universidade de Stanford, no início deste ano, o dr Kalanithi refletiu em como o tempo tinha vindo levar a efeito um significado diferente nele desde o seu diagnóstico  e particularmente desde o nascimento de sua filha, Cady.

            "É muito provável que eu não vá viver o suficiente para que ela lembre-se de mim", Kalanithi disse numa entrevista num vídeo para a Faculdade de Medicina de Stanford. " E assim, o tempo é justamente o que ele é."

            Neste último ensaio, Kalanithi deixou palavras de despedida para sua filha.

            "Quando você estiver em um dos muitos momentos da vida em que você deve dar uma justificativa de si mesma" escreveu ele,  "forneça uma razão do que você tem sido, e feito, e o significado do mundo, não exclua, eu imploro, que você preencheu o dia de passagem de um homem com um contentamento saciado, um contentamento desconhecido para mim nos meus anos anteriores, um contentamento que não tem fome por mais e mais, mas experimentou, satisfeito. Neste momento, bem agora, esta é uma coisa imensa."          

           

            Paul Kalinithi teve a companhia de seus parentes na sua passagem; dois irmãos, sua esposa Lucy e sua filha Cady."

 

 

Paul Kalanithi with his daughter, Cady.

Dr Paul Kalanithi e sua filha Cady.

 

 

Leia a reportagem na NBCnews ( em inglês):

 

Veja o depoimento do neurocirurgião no Youtube:

 

 

            No momento onde a notícia é sobre ratos e quantos furos fazem no queijo do lucro dessa vida, que tem começo e fim, a experiência concreta da vida do dr Paul Kalanithi desloca a atenção das ratazanas, alertando as pessoas comuns que, por mais que se nade na vida e, por muitas vezes se toma água pela boca, isso não dá definição da condição provisória e aparente da mesma.

            Viver sem saber de ONDE VIEMOS, O POR QUE VIEMOS, PARA ONDE VAMOS, COMO VAMOS é mergulhar a mente humana nessa vida estreita e insignificante desta deformação Racional onde o homem vive uma vida atormentado pela busca incessante do lucro, como um louco insano que não vê nem a Natureza nem as outras pessoas nessa medonha peça teatral.

            Lendo O LIVRO UNIVERSO EM DESENCANTO a pessoa vai passar a conhecer todo o HISTÓRICO que o levou a viver nessa condição de animal Racional DESCLASSIFICADO pela própria natureza que lhe dá a vida, lhe sustenta e em algum tempo a ceifa, sem direito a recurso.

            Na CULTURA RACIONAL o homem não espera o "TÃO ANSIADO DIA" para começar a confrontar a vida conhecendo suas RAZÕES de fato e não de aparência. Deixa de ser um marionete das energias deformadas elétrica e magnética, que dão o tom nesta deformação e passa a ter seu RACIOCÍNIO (não é pensamento) desenvolvido naturalmente se religando de novo ao seu Verdadeiro Mundo de Origem RACIONAL.

         No resto sobra o mesmo do mesmo que ao final da fase de animal Racional vai mostrando a espiral do reinado do desequilíbrio, sem dar solução aos tremendos problemas que desafiam o homem na sua vida atual.

 

 

 

         MAIS ARQUIVOS:

            semana: 26 janeiro - 01 fevereiro 2015:           

            semana: 19-25.. janeiro 2015:

            semana: 19-25. janeiro 2015:

            semana: 19-25 janeiro 2015:

            semana: 12 - 18 janeiro 2015:

            semana: 05 - 11 janeiro 2015:

            semana: 10 - 16 novembro 2014:

            semana:  03 - 09 novembro 2014:

            semana: 27 outubro - 02 novembro 2014:

            semana: 20 - 26 outubro 2014:

            semana: 13 - 19 . outubro 2014:

            semana: 13 - 19 outubro 2014:

            semana: 06 - 12 outubro 2014:

            semana: 29 setembro - 05 outubro 2014:

            semana: 09 - 15 junho 2014:

            semana: 26 maio - 01 junho 2014:

            semana: 19 - 25 maio 2014:

            semana: 12 - 18 maio 2014:

            semana:   05 - 11 maio 2014:

            semana: 21 - 27 abril 2014:

            semana: 14 - 20 abril 2014:

            semana: 07 - 13 abril 2014:

            semana: 24 - 30 março 2014:

            semana: 03 - 09 fevereiro 2014:

            semana: 27 janeiro - 02 fevereiro 2014:

            semana: 20 - 26 janeiro 2014:

            semana: 13 - 19 janeiro 2014:

            semana: 06 - 12 janeiro 2014:

            semana:  02 - 08 dezembro 2013:

            semana : 04 - 10 novembro 2013:

            semana:  21 - 27 outubro 2013:

            semana: 14 - 20 outubro 2013:

            semana:  30 setembro - 06 outubro 2013:

            semana: 23 - 29 setembro 2013:

            semana:  02 - 08 setembro 2013:

            semana: 26  agosto - 01 setembro:

            semana: 19 - 25 agosto 2013:

            semana:  29 julho - 04 agosto 2013:

            semana:  08 - 14 julho 2013:

            semana: 17 - 23 junho 2013:

            semana: 20 - 26 maio 2013:

            semana: 04 - 14 abril 2013:

            semana: 25 - 31 março 2013:

            semana: 04 - 10 março 2013:

            semana: 21 - 27 janeiro 2013:

            semana:  06-12 dezembro 2012:

            semana :  05 - 11 novembro 2012:

            semana:  22 - 28 outubro 2012:

            semana: 08 - 14 outubro 2012:

            semana: 10 - 16 setembro 2012:

            semana:  03 - 09 setembro 2012:

            semana: 27 agosto - 02 setembro 2012:

            semana: 01-05 agosto 2012: