DESTAQUE NA SEMANA

            Aqui alguns fatos e informações da semana que tem haver com a CULTURA RACIONAL.

 

1)   RESPONSA DE DEUS , DA POLUIÇÃO, ou......???

 

            A seara tecnológica é uma maravilha, muda  o tamanho da tela, substituiu botão pelo dedo, aposenta máquina fotográfica e filmadora, etc.

            Seus condutores fazem um  show a parte, estilo Jobs. O da Microsoft enveredou pela senda do karma para abafar as pretensões salariais femininas e o da Apple se declarou gay como conseqüência de um comando divino.

            Tim Cook o presidente da Apple assumiu publicamente que é gay, até aí uma questão da esfera pessoal sua. Mas o CEO da gigante da tecnologia elevou o tom da sua declaração.  Cook afirmou que ele ser gay foi conseqüência da intervenção de Deus na sua vida; um presente de Deus, não de grego!??

            What???

            Cook  deseja que ao assumir publicamente sua homossexualidade isso “possa ajudar alguém que esteja lutando para entender quem ele ou ela é, ou levar conforto a alguém que se sinta só”.

 

           

Tim Cook presidente substituto de  Jobs na Apple.

           

            Veja a reportagem no Portal Terra:

 

            Já na outra ponta da tecnologia: a industria farmacêutica é apontada como responsável por mudar o comportamento sexual de animais da natureza expostos aos seus resíduos!!!

            O medicamento entra pela boca, via de regra, depois de uma estadia, por vezes não tão curta é eliminado via  urina ou fezes, indo para o mesmo esgoto. De LÁ  não tem rio que escape dessa "maravilha" moderna.

            Uma vez na natureza esses resíduos de medicamentos químicos continuam agindo e fazendo vítimas: são organismos aquáticos dizimados, populações inteiras de peixes mortos, aves que, uma vez intoxicadas por eles, perdem o apetite (já viu alguém intoxicado por medicamentos que tenha o apetite prejudicado? "raro" não!?) e PEIXES MACHOS QUE ADQUIREM CARACTERÍSTICAS FEMININAS.  

            Estudos científicos sobre o IMPACTO DA POLUIÇÃO FARMACÊUTICA sobre a natureza revelam que, mesmo em baixas doses, as drogas químicas farmacêuticas estão causando uma crise global na vida animal.

            "As populações de muitas espécies que vivem em paisagens alteradas pelo homem estão encolhendo por razões que não podemos explicar completamente", disse a pesquisadora Kathryn Arnold, da Universidade de York, na Inglaterra.

            "Acreditamos que é hora de explorar novas áreas, como a poluição farmacêutica."

 

            Peixes machos que passaram a apresentar características femininas, segundo o biólogo John Stumper, da universidade britânica de Brunel, são estudados desde a década de 90.

            "A primeira coisa que descobrimos foi que havia muitos peixes nos rios que tinham proteína do sangue que é comumente conhecida como a gema. A síntese desta proteína no fígado é controlada pelo (hormônio) estrogênio", disse a Stumper à BBC.

            O cientista alertou que  mesmo os peixes machos - que não produzem quantidades significativas de estrogênio e, portanto, não têm gema - apresentavam uma alta concentração dessa proteína. "Especialmente aqueles que habitavam os rios perto de uma estação de tratamento ", afirmou Stumper.

            "Uma vez que eram os machos que estavam se tornando mais femininos e não o contrário (fêmeas adotando características mais masculinas), achamos que a causa poderia ser o estrogênio."

            E BINGO! Stumper estava certo: estudos posteriores confirmaram que essas mudanças estavam relacionadas à presença de resíduos de contraceptivos na água.

            "Em nível molecular, os peixes são extremamente semelhantes a nós", disse o biólogo. Assim, quase todos os fármacos para seres humanos têm um efeito sobre os peixes.           

            Segundo a  Agência Federal Ambiental da Alemanha, as drogas para os seres humanos que mais causam desequilíbrios ambientais são: os hormônios, antibióticos, analgésicos, antidepressivos e drogas para combater o câncer.

            Entre os medicamentos veterinários, o relatório destaca os hormônios, antibióticos e parasiticidas: aqueles usados em abundância na pecuária moderna.

           A reportagem da BBCBrasil ainda alerta que  os hormônios sexuais sintéticos, igualmente  aos antidepressivos  podem entrar na corrente sanguínea dos organismos expostos à água contaminada.

            Um estudo de Kathryn Arnold a ser publicado neste mês indica que esta poluição ambiental  está afetando o comportamento e a capacidade dos estorninhos, um tipo de pássaro, de se alimentar.

            Arnold e colegas da Universidade de York- Inglaterra analisaram como o Prozac intoxica essas aves, que se alimentam de lagartas, vermes e moscas em áreas próximas a estações de tratamento de resíduos.

            Estes organismos, por sua vez, se alimentam de alimentos encontrados na área - em geral, contendo altos níveis de fármacos, principalmente Prozac.

            "No inverno, as aves tendem a consumir um bom café da manhã, beliscar ao longo do dia e comer bem antes de escurecer", disse a pesquisadora.

            Sob o efeito do antidepressivo, elas não faziam isso: em vez de duas grandes refeições, elas comiam esporadicamente ao longo do dia e, no cômputo geral, comiam menos.

            "Esse comportamento pode afetar o seu peso, os riscos que decidem correr ou não para obter alimentos e como se socializam", afirma a cientista.

            "São variações pequenas e sutis mudanças que vão se somando e, no fim, podem comprometer a sobrevivência de uma espécie."

A cadeia química que APERTA O ABRAÇO cada vez mais sobre quem ainda insiste em viver.

            Ole Phal, professor da Universidade de Glasgow Caledonian- Escócia, defende a discussão sobre a produção e o uso de medicamentos.

            "Estamos tomando (medicamentos) demais? Estamos utilizando-os corretamente? Existe alguma maneira de se desfazer deles que seja mais benéfica para o meio ambiente?", questiona Phal.

            "Precisamos refletir sobre o nosso uso de drogas farmacêuticas."

            Num estudo publicado na respeitável revista Discovery - EUA, na década 80, biólogos da Agência Federal dos EUA sobre Meio Ambiente, que estudaram a feminilização de anfíbios expostos aos resíduos químicos poluentes, alertaram para que os mecanismos moleculares envolvidos eram semelhantes aos do ser humano.           

            Há o relato, de quem aplica hormônio no gado para o seu mágico acréscimo de peso, da alteração posterior do comportamento sexual do mesmo.

            Leia reportagem da BBCBrasil:

 

 

 

O céu da capital chinesa bem mostra a qualidade que se alcança com a poluição química.

 

 

                Na CULTURA RACIONAL  o impacto do progresso do artifício sobre a aceleração da degeneração e enfraquecimento humano e biológico é alertado desde o início da Obra RACIONAL: o LIVRO UNIVERSO EM DESENCANTO.

            A ganância do lucro sempre fechou os olhos para as conseqüências negativas da poluição imposta a natureza. O homem sonhava reinar sobre a  natureza até ser sacudido e se confrontar com o pesadelo dos efeitos dos seus atos inconscientes.

            Na CULTURA RACIONAL uma  coisa fica bem clara: DEUS não é o criador deste 2º mundo deformado. Não podendo ser portanto  responsabilizado pelo que ocorre dentro deste 2º mundo deformado onde brilha a inconsciência.

            Deus é um Habitante do 1º Mundo: o MUNDO RACIONAL, puro, limpo e perfeito.

            Atribuir a responsabilidade a Deus pelos atos do homem é sinônimo de desconhecimento de CAUSA RACIONAL para as questões fundamentais da vida:

            QUEM SOU?

            DE ONDE VIM?

            O POR QUE VIM?

            PARA ONDE VOU?

            No CONHECIMENTO RACIONAL  da vida esta a capacidade para  o equilíbrio da vida da pessoa, presa na condição de animal Racional, que busca nos outros a desculpa do que ocorre na sua vida.

            A sexualidade, por mais que seja um componente da vida do homem, nunca o arremeteu, por si só, acima do território do drama humano, pelo contrário, muitas vezes o liquidando pelo desequilíbrio desenfreado.

            Como bem colocava o educador moderno Krishnamurti:

            " Por que a sexualidade  assumiu um papel tão grande na vida do homem?".

            Ele considerava essa distorção sobre a sexualidade como uma maneira de encobrir uma vida ordinária levada de modo enfadonho e sem função criativa.    

O educador Krishnamurti que levou a questão da  Beleza, aquela incapaz de ser tocada pelo processo do tempo e espaço.

Não se enquadra num critério saudável quem está bem ajustado a uma sociedade profundamente doente.

 

 

 

         MAIS ARQUIVOS:

            semana:  03 - 09 novembro 2014:

            semana: 27 outubro - 02 novembro 2014:

            semana: 20 - 26 outubro 2014:

            semana: 13 - 19 . outubro 2014:

            semana: 13 - 19 outubro 2014:

            semana: 06 - 12 outubro 2014:

            semana: 29 setembro - 05 outubro 2014:

            semana: 09 - 15 junho 2014:

            semana: 26 maio - 01 junho 2014:

            semana: 19 - 25 maio 2014:

            semana: 12 - 18 maio 2014:

            semana:   05 - 11 maio 2014:

            semana: 21 - 27 abril 2014:

            semana: 14 - 20 abril 2014:

            semana: 07 - 13 abril 2014:

            semana: 24 - 30 março 2014:

            semana: 03 - 09 fevereiro 2014:

            semana: 27 janeiro - 02 fevereiro 2014:

            semana: 20 - 26 janeiro 2014:

            semana: 13 - 19 janeiro 2014:

            semana: 06 - 12 janeiro 2014:

            semana:  02 - 08 dezembro 2013:

            semana : 04 - 10 novembro 2013:

            semana:  21 - 27 outubro 2013:

            semana: 14 - 20 outubro 2013:

            semana:  30 setembro - 06 outubro 2013:

            semana: 23 - 29 setembro 2013:

            semana:  02 - 08 setembro 2013:

            semana: 26  agosto - 01 setembro:

            semana: 19 - 25 agosto 2013:

            semana:  29 julho - 04 agosto 2013:

            semana:  08 - 14 julho 2013:

            semana: 17 - 23 junho 2013:

            semana: 20 - 26 maio 2013:

            semana: 04 - 14 abril 2013:

            semana: 25 - 31 março 2013:

            semana: 04 - 10 março 2013:

            semana: 21 - 27 janeiro 2013:

            semana:  06-12 dezembro 2012:

            semana :  05 - 11 novembro 2012:

            semana:  22 - 28 outubro 2012:

            semana: 08 - 14 outubro 2012:

            semana: 10 - 16 setembro 2012:

            semana:  03 - 09 setembro 2012:

            semana: 27 agosto - 02 setembro 2012:

            semana: 01-05 agosto 2012: