DESTAQUE NA SEMANA

            Aqui alguns fatos e informações da semana que tem haver com a CULTURA RACIONAL.

 

 

1)  DE VOLTA PARA OS BRAÇOS DA NATUREZA...

O CÉREBRO AGRADECE!

 

            O stress é geral:   corre-corre, agenda sob-pressão , detalhes que não se podem esquecer pois logo serão cobrados. E entre o "natural" acordar e o mundo de resultados fica; a roupa, o lanche, as crianças, por ventura, a rota de tráfego, etc, etc, etc.

            Viver nas cidades aliviou por um lado porém inundou a rotina de vida dos urbanos de tanta cobrança que afloram, num 'piscar de olhos'; ansiedade, depressão e outras tantas doenças mentais que são assinaturas da nossa "qualidade de vida moderna".

            Um estudo desenvolvido por Gregory Bratman, na Universidade de Stanford - EUA, e publicado na revista científica Proceedings of the National Academy of Sciences mostrou evidências do impacto no nosso cérebro da selva de pedra ou  da boa Mãe Natureza.

            Uma pessoa que experimenta o stress de uma rodovia congestionada, com trafego pesado, libera uma quantidade enorme de hormônios ligados ao stress e vê sua saúde psicológica ir pro brejo.

            Os pesquisadores confrontaram o potencial de acalmar o cérebro de uma pessoa quando esta visita uma natureza verdejante, cheia de vida natural, onde há luz, movimento de plantas sob ação do vento, calma e neste processo alterar para bem o funcionamento do nosso cérebro garantindo saúde mental!

 

Abriu a janela e ela não estava lá...

 

Epá, pra onde foi drenado todo o verde???

 

            Os pesquisadores partiram do fato cada vez mais comum de uma pessoa urbana não freqüentar espaços verdes pois toda sua rotina de vida é encalacrada entre trânsito e sala de reuniões ou ofícios.

            Entre uma boa impressão deixada pela Mãe Natureza e a descoberta se a selva de pedra, de fato, deixa  prejuízos fisicamente nos nossos cérebros, a pesquisa utilizou de exames modernos para ver o que acontece lá dentro no nosso cérebro: que mecanismos neurológicos estavam sendo afetados.

            Uma melhor atenção e uma maior felicidade já eram detectadas nos alunos da Universidade de Stanford que se 'submetiam' a uma caminhada, ecologicamente proveitosa, antes de iniciarem suas atividades habituais, porém que estruturas cerebrais estariam envolvidas na briga entre o verde e o concreto despertaram a curiosidade da equipe pesquisadora norte-americana.

            E para tanto foi verificado o impacto do ambiente sobre o a condição mental de ruminação mórbida; um estado mental bem familiar para o homem urbano:  onde sobram preocupações  sobre as maneiras em que as coisas estão erradas com nós mesmos e nossas vidas, de todo tipo,  nessa turbulência moderna do pensamento ficando bem longe a mente do leve e tranqüilo.

            Tais ruminação matirizantes, da mente do pensador urbano, estão   associadas com a atividade aumentada de uma porção do cérebro conhecida como o córtex pré-frontal subgenual, segundo a pesquisa de Stanford.

       

O mapa da "mina" do abundante stress moderno urbano.

 

            Os pesquisadores verificaram a atividade dessa área cerebral associada ao stress nas pessoas que participaram do estudo, através de exames modernos neurológicos.

        Quanto mais sangue a área consumia , maior sua atividade frente a situação proposta.

        Os que passearam pelos verde bosque da tranqüilidade na Universidade de Stanford, foram submetidos ao escaneamento cerebral  que mostraram um menor fluxo de sangue para as estruturas cerebrais envolvidas no stress e sua  fixação em problemas foram menores do que no início da caminhada.

        Já aqueles que "passearam" ao longo da estrada congestionada, barulhenta e opressiva viram seus núcleos cerebrais, associados ao stress, bombardeados por um fluxo sanguíneo alto e sua pontuação ligada a ruminação de problemas estava ainda em alta.

            "Estes resultados 'sugerem fortemente que sair para ambientes naturais' poderia ser uma maneira fácil e quase imediata para melhorar o humor para os moradores da cidade", disse Bratman.
 


            "Há uma quantidade enorme de trabalho que ainda precisa ser feito", disse Bratman.

   
                Mas, enquanto isso, ele apontou, há pouca desvantagem para passear pelo parque mais próximo, e alguma chance de que você possa beneficamente abafar, pelo menos por algum tempo, seu córtex pré-frontal subgenual: aterramento do stress.

           

            Não sem razão, o renomado educador Krishnamurti tinha por hábito dar palestras publicas em espaços verdes sob a copa de belas árvores: conhecia bem da neurologia agregada!

 

O educador Krishnamurti.

 

E seu esforço em libertar o homem da confusão em que ele mesmo se mete.

O Retiro Racional - RJ, onde a Mãe Natureza foi muito, muito generosa.

Respira o bom ar e poder sentir a bela montanha é uma delícia para a mente.         

           

 

 

            Leia a reportagem do jornal New York Times:

 

            Na CULTURA RACIONAL essa sina do progresso da deformação, que cada vez ocupa mais espaço na vida cotidiana, é um dos fatores para o enfraquecimento e a deterioração tanto da saúde física como da mental, como bem mostrou o estudo da Universidade de Stanford.

            Lendo O LIVRO UNIVERSO EM DESENCANTO a pessoa vai saber porquê, apesar de tanta vontade para dar certo, muitas vezes a existência civilizatória humana bate em porta totalmente diferente e desfavorável: estar fora do seu Verdadeiro Natural de RACIONAIS puros, limpos e perfeitos e subjugado pelas energias deformadas inconscientes; elétrica e magnética que patrocinam todo esse desequilíbrio neste 2º mundo deformado, aparente e provisório.

 

 

         MAIS ARQUIVOS:

            semana: 13 - 19 julho 2015:

            semana: 06 - 12 julho 2015:

            semana: 29 junho - 05 julho 2015:

            semana: 22 - 28 junho 2015:

            semana: 15 - 21 junho 2015:

            semana: 08 - 14 junho de 2015 (2):

            semana: 08 - 14 junho de 2015:

            semana:  01 - 07 junho de 2015:

            semana: 25 - 31 maio 2015:

            semana: 18 - 24 maio 2015:

            semana: 11 - 17 maio 2015:

            semana:  06 - 12 abril 2015:

            semana: 30 março - 05 abril 2015:           

            semana: 16 - 22 março 2015:

            semana: 09 - 15 março 2015:

            semana: 26 janeiro - 01 fevereiro 2015:           

            semana: 19-25.. janeiro 2015:

            semana: 19-25. janeiro 2015:

            semana: 19-25 janeiro 2015:

            semana: 12 - 18 janeiro 2015:

            semana: 05 - 11 janeiro 2015:

            semana: 10 - 16 novembro 2014:

            semana:  03 - 09 novembro 2014:

            semana: 27 outubro - 02 novembro 2014:

            semana: 20 - 26 outubro 2014:

            semana: 13 - 19 . outubro 2014:

            semana: 13 - 19 outubro 2014:

            semana: 06 - 12 outubro 2014:

            semana: 29 setembro - 05 outubro 2014:

            semana: 09 - 15 junho 2014:

            semana: 26 maio - 01 junho 2014:

            semana: 19 - 25 maio 2014:

            semana: 12 - 18 maio 2014:

            semana:   05 - 11 maio 2014:

            semana: 21 - 27 abril 2014:

            semana: 14 - 20 abril 2014:

            semana: 07 - 13 abril 2014:

            semana: 24 - 30 março 2014:

            semana: 03 - 09 fevereiro 2014:

            semana: 27 janeiro - 02 fevereiro 2014:

            semana: 20 - 26 janeiro 2014:

            semana: 13 - 19 janeiro 2014:

            semana: 06 - 12 janeiro 2014:

            semana:  02 - 08 dezembro 2013:

            semana : 04 - 10 novembro 2013:

            semana:  21 - 27 outubro 2013:

            semana: 14 - 20 outubro 2013:

            semana:  30 setembro - 06 outubro 2013:

            semana: 23 - 29 setembro 2013:

            semana:  02 - 08 setembro 2013:

            semana: 26  agosto - 01 setembro:

            semana: 19 - 25 agosto 2013:

            semana:  29 julho - 04 agosto 2013:

            semana:  08 - 14 julho 2013:

            semana: 17 - 23 junho 2013:

            semana: 20 - 26 maio 2013:

            semana: 04 - 14 abril 2013:

            semana: 25 - 31 março 2013:

            semana: 04 - 10 março 2013:

            semana: 21 - 27 janeiro 2013:

            semana:  06-12 dezembro 2012:

            semana :  05 - 11 novembro 2012:

            semana:  22 - 28 outubro 2012:

            semana: 08 - 14 outubro 2012:

            semana: 10 - 16 setembro 2012:

            semana:  03 - 09 setembro 2012:

            semana: 27 agosto - 02 setembro 2012:

            semana: 01-05 agosto 2012: